Publicado em Deixe um comentário

ApexBrasil e MDIC lançam programa de mentoria para mulheres no comércio exterior

Inscrições podem ser feitas entre os dias 2 e 23 de junho

Por: Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil)

Nesta sexta-feira, 2 de junho, foi lançada uma iniciativa conjunta entre ApexBrasil e MDIC para a formação de duplas de mentoria, em que uma empresa experiente no comércio exterior apoiará o desenvolvimento de empresas iniciantes e interessadas em se engajar em atividades de exportação.

O projeto Elas Exportam terá duração de 6 meses e será repetido em ciclos anuais, com o objetivo de aumentar a participação de empresas brasileiras lideradas por mulheres no comércio exterior. Serão oferecidas mentorias individuais e coletivas, oficinas, seminários e treinamento de pitch (oratória) para suporte ao desenvolvimento de competências e habilidades técnicas e socioemocionais necessárias ao impulso da atividade exportadora.

As inscrições para mentoras (líderes de empresas exportadoras que queiram contribuir com o projeto e orientar voluntariamente empresas iniciantes no comércio exterior) ocorrerão do dia 02 ao dia 23 de junho de 2023. Clique aqui para se inscrever.

Além de contribuir com esse projeto inovador e com a redução do gap de gênero no comércio exterior, as mentoras selecionadas terão espaço de destaque em comunicação e marketing sobre o programa, facilidades em ações especificas do MDIC e da ApexBrasil e acesso privilegiado ao conteúdo (mentorias coletivas, seminários, oficinas e encerramento). Elas também terão a oportunidade de compor uma rede para o fortalecimento mútuo e o compartilhamento de experiências e oportunidades.

A iniciativa compõe o rol de ações do programa Mulheres e Negócios Internacionais da ApexBrasil, também lançado oficialmente nesta sexta-feira, 2 de junho, em São Paulo. Entre as atividades, estão ações de inteligência de mercado, capacitação, promoção comercial e atração de investimentos estrangeiros para empresas lideradas por mulheres.

O programa busca endereçar a necessidade de aumento da participação feminina no comércio exterior, observada em estudo recente da Secretaria de Comércio Exterior, que constata que apenas 14% das empresas exportadoras e 13% das importadoras possuem preponderância feminina nos seus quadros societários.

Para saber mais, acesse o edital.

Compartilhar:
Deixe um comentário